Pular para o conteúdo principal

SÉRIE| A maldição da residência Hill

Foto: Copyright Steve Dietl/Netflix

Em outubro desse ano a Netflix estreou a primeira temporada da série de terror “A maldição da Residência Hill (The Haunting of Hill House)”, criada por Mike Flanagan e baseada no livro homônimo de Shirley Jackson (1959). A série conta a história da família Crane durante o período em moraram na mansão Hill e como os eventos que aconteceram na casa afetaram a família para sempre.
Confesso que antes de assistir fiquei um pouco apreensiva, não porque tenho medo de filmes/ séries de terror (apesar de ser muito sugestionável), meu receio era a série ficar maçante com excessos de "jump scare", mas isso não aconteceu, os sustos são pontuais e a história fica muito mais focada no drama familiar.

Outro ponto a ser elogiado é a montagem dos episódios, os momentos em que passado e presente se intercalam foram construídos de maneira perfeita, sem ficar cansativo ou desgastante. É interessante reparar também que no inicio da série esses momentos eram avisados com legenda, mas depois foram ficando tão naturais e bem feitos que quem estava assistindo não precisava mais desse aviso.

Não gosto muito de fazer comparações entre obras, mas se tivesse que comparar "A maldição da Residência Hill" com outras obras recentes certamente seria com Hereditário (2018) ou A Bruxa (2015), vou explicar por que, o que te prende na história não são os sustos, nem os fantasmas, o que prende o espectador é o drama da família, como ela vai se desgastando ao longo dos episódios e como em alguns momentos você duvida da sanidade deles. A tensão existe, mas você não precisa pular de susto pra perceber que há algo de errado acontecendo.



O episódio final da série não deixa um gancho para uma possível segunda temporada, a história dos Crane foi fechada e o melhor seria deixar essa pobre família em paz, então pra série continuar outras pessoas terão que sofrer...  afinal os Crane não foram os únicos amaldiçoados pela residência Hill.

Conta pra gente nos comentários o que você achou dessa série e se você acha que ela deve continuar ou não?


Veja também:

Vale a pena assistir ao filme "Mara"?


Comentários

  1. Li que havia uma intenção de fazer um final diferente. Achei que não tinha necessidade, do jeito que acabou ficou muito bom.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho tbm que ficou muito bom o jeito que terminou. Gosto da ideia de outras ideias serem exploradas.

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

DICAS| Dez filmes de terror pra você se arrepiar

O carnaval tá chegando e eu sei que tem muita gente que não gosta de ir pra folia, então pra você que não é de festa mas é de ficar em casa descansando eu separei aqui onze filmes de terror pra você que se assusta com a quantidade de gente que está na rua.
OS OUTROS (2001)

Grace Stewart (Nicole Kidman) é uma mulher católica fervorosa que mora em uma casa isolada com seus dois filhos enquanto espera seu marido voltar da guerra. Depois da chegada de três misteriosas figuras coisas estranhas começam a acontecer na mansão dos Stewart.
A BRUXA (2016)

Isolada em uma fazenda deserta uma família britânica do século XVII começa a presenciar acontecimentos muito estranhos após o sumiço de seu filho mais novo. 
HEREDITÁRIO (2018)

Após a morte de sua matriarca a família Graham começa a presenciar acontecimentos sobrenaturais que podem estar relacionados com o passado nebuloso da falecida. O que eu acho mais legal nesse filme é o fato do espectador começar a questionar a sanidade dos personagens.
COR…

GOT-8| Cinco momentos do primeiro episódio que fazem arrepiar

Depois de dois anos de espera, ontem (14) finalmente começou a oitava e ultima temporada de Game of Thrones, confesso que tive até palpitação antes do novo episódio começar, mas sobrevivi e vim aqui para listar cinco momentos deste inicio temporada que me fizeram ficar arrepiada!

CUIDADO! ESTE TEXTO CONTÉM SPOILER DO PRIMEIRO EPISÓDIO DE GOT!!

.... SÉRIO MESMO, SE VOCÊ NÃO ASSISTIU É MELHOR PARAR POR AQUI...

 ...ULTIMA CHANCE PARA IR EMBORA...

 LYANNA MORMONT FADA SENSATA

Vou te dizer que a Lady Mormont ( Bella Ramsey) é afrontosa mesmo! Eu fiquei com a cara no chão quando ela confronta o Jon ( Kit Harington) dizendo: "Você saiu daqui com o Rei do Norte e agora volta como nada". O Norte se lembra e não gosta de forasteiros.
O RECADO DO REI DA NOITE

No último episódio da sétima temporada nós vimos o Rei da Noite (Vladmir Furdik) destruir a muralha com o Dragão que ele havia acabado de ganhar de presente. Agora ele e seu exércitos de mortos rumam para o Norte e no caminho resolver…

CRÍTICA| Durante a tormenta

Durante a tormenta é um filme de drama/suspense espanhol, o longa foi lançado em 2018 e chegou este mês na Netflix. Devido a uma falha  no espaço-tempo causada por uma tempestade a jovem Vera Roy ( Adriana Ugarte) salva a vida de um garoto que morreu atropelado em 1989, no entanto ao mudar o passado ela também altera o futuro e faz com que  sua mude vida completamente.
Há muito tempo o cinema traz histórias de viagem no tempo e, um ponto em comum que a gente aprendeu em várias delas é que não se pode alterar o passado sem que haja muitas consequências no futuro. Em 'Durante a tormenta', Vera (Ugarte), perdeu sua filha, seu marido e toda a vida que ela conseguia se lembrar, mas com a ajuda do Inspetor Leyra (Chino Darín) ela vai tentar recuperar o que deixou para trás. Porém o que Vera (Ugarte) não se deu conta é que  em sua busca para recuperar uma vida antiga ela acabou não se importando em como estaria sua vida atual nesta nova realidade. 


Eu gostei muito de como o filme tra…