Pular para o conteúdo principal

Postagens

CAPITÃ MARVEL| Este não é o pior filme do MCU

Este texto não é uma crítica somente ao filme Capitã Marvel (2019) também quero falar sobre a importância que ele tem ao trazer para as telonas um filme solo de uma heroína. Há algum tempo tinha-se a visão de que filmes solos de heróis protagonizados por mulheres não traria um bom retorno de público, então o filme "Mulher Maravilha" ( 2017) chegou e abriu novas portas para que heroínas , como a Capitã Marvel  fossem representadas nas telonas.
O filme se passa na década de 90 e conta a origem de uma das personagens mais fortes do MCU. Carol Denvers (Brie Larson) é uma jovem piloto de testes que ao ser atingida por uma explosão ganha super poderes e se envolve na guerra intergalática entre os Kree e os Skrulls. Para acabar com esta guerra ela conta com a ajuda de um inexperiente Nick Fury ( Samuel L. Jackson). de sua melhor amiga Maria Rambeau ( Lashana Lynch) e do gatinho Goose.



Desde antes de sua estreia o filme da Capitã Marvel já vinha gerando polêmicas no mundo nerd quan…

DICAS| Dez filmes de terror pra você se arrepiar

O carnaval tá chegando e eu sei que tem muita gente que não gosta de ir pra folia, então pra você que não é de festa mas é de ficar em casa descansando eu separei aqui onze filmes de terror pra você que se assusta com a quantidade de gente que está na rua.
OS OUTROS (2001)

Grace Stewart (Nicole Kidman) é uma mulher católica fervorosa que mora em uma casa isolada com seus dois filhos enquanto espera seu marido voltar da guerra. Depois da chegada de três misteriosas figuras coisas estranhas começam a acontecer na mansão dos Stewart.
A BRUXA (2016)

Isolada em uma fazenda deserta uma família britânica do século XVII começa a presenciar acontecimentos muito estranhos após o sumiço de seu filho mais novo. 
HEREDITÁRIO (2018)

Após a morte de sua matriarca a família Graham começa a presenciar acontecimentos sobrenaturais que podem estar relacionados com o passado nebuloso da falecida. O que eu acho mais legal nesse filme é o fato do espectador começar a questionar a sanidade dos personagens.
COR…

CRÍTICA| Como eu era antes de você

Há algum tempo eu li o livro "Como eu era antes de você" da escritora britânica Jojo Moyes e, confesso que fiquei muito animada quando soube que o livro teria uma adaptação para o cinema com Sam Claflin e Emilia Clarke para os papeis dos protagonistas Will e Lou.
Na história Will (Claflin) é um jovem que tinha muito amor pela vida mas que tem seu mundo destruído após ficar tetraplégico após um acidente de moto (ele foi atropelado). Sem poder se locomover Will volta para casa dos pais e dois anos após o acidente ele conhece a carismática Lou (Clarke), uma jovem com gosto peculiares para roupas e com um grande coração.


No início a relação dos dois não é boa pois Will está amargurado por causa de sua condição, mas aos poucos Lou consegue quebrar o gelo e os dois começam a construir uma relação de amizade, carinho e amor. O plot da história é que Will não deseja mais viver, ele sofre muito com seu estado (tanto física quanto emocionalmente) e já decidiu por um fim a sua históri…

CRÍTICA| Um limite entre nós

Aproveitando que ainda estamos na semana do Oscar resolvi escrever sobre o filme "Um limite entre nós" (Fences no original), ele concorreu a quatro estatuetas no ano de 2017, levando a de Melhor Atriz Coadjuvante para a maravilhosa Viola Davis, dona do meu coração.
Na história nós vemos Troy Maxton (Denzel Washington) um  de meia homem amargurado pelas adversidades que a vida lhe impôs. Quando mais jovem ele sonhava em ser jogador de beisebol mas fatores como sua idade (um pouco avançada para o esporte) e a cor de sua pele (ele era negro) foram fatores que infelizmente acabaram impedindo de que tivesse sucesso na carreira e, agora ele trabalha com coletor de lixo.
Troy teve uma infância difícil com um pai extremamente abusivo e violento e isso acaba influenciando no relacionamento que ele tem com seus dois filhos. Claramente ele se enxerga apenas como o provedor da família e por isso ele acaba tendo conversas muito duras, principalmente com seu filho Cory (Jovan Adepo), que…

CRÍTICA| Os outros

Os Outros conta a história de Grace Stweart (Nicole Kidman) uma mulher que vive enclausurada em um grande mansão a espera de seu marido Charles ( Christopher Eccleston), um homem que nunca voltara para casa depois do fim da Segunda Guerra. Os filhos de Grace, Anne (Alakina Mann) e Nicholas (James Bentley), sofrem de uma rara doença que os torna sensíveis a luz, e por isso a casa vive mergulhada em um clima sombrio, muito típico aos filmes de terror.
Grace é uma mulher muito rígida em seus comportamentos e uma católica fervorosa, suas crenças não a deixam acreditar nos eventos sobrenaturais que seus filhos vem relatando a algum tempo, como por exemplo a presença de outras pessoas na casa. Grace se mantém cética até a chegada de três figuras misteriosas a mansão, Bertha (Fionnula Flanagan), Lydia (Elaine Cassydi) e Edmund (Eric Sykes), são três antigos empregados que retornam a casa para ajudar Grace.



Apesar de ser um filme de terror o roteiro não utiliza de recursos como o famoso jump …

NETFLIX| Filmes ganhadores do Oscar pra você assistir hoje!

Neste final de semana (24 de fevereiro) acontece a 91ª edição do Oscar, um dos maiores eventos do cinema mundial e que tem como objetivo premiar os melhores da indústria do ano anterior.  Como os tempos estão difíceis e ir ao cinema está muito caro, separei aqui alguns filmes que já disputaram a estatueta e que agora estão disponíveis na Netflix.

A GAROTA DINAMARQUESA (2016)



O filme começa no ano de 1926 e conta a história de Lili Elber (Eddie Redmayune), uma das primeiras mulheres trans a conseguir fazer a cirurgia de redesignação sexual. O filme mostra  o processo de descoberta de Lili quando ela ainda era vista pela sociedade como Einar, seus dramas pessoais e a relação ora parceira ora conturbada com sua então esposa Gerda (Alicia Vikander).

FROZEN (2014)



A corajosa e romântica  Princesa Anna parte em uma aventura congelante em busca de sua irmã, a Rainha Elsa. No caminho ela faz amizade com Kristof, um vendedor de gelo e sua carismática rena Sven, juntos eles tentam convencer Elsa…

CRÍTICA| The Umbrella Academy: Sobre questões familiares e a impossibilidade de mudar o destino

Todas as famílias têm seus momentos de desentendimento. Sejam brigas entre irmãos, discordância com os pais ou coisas do tipo, com a família Hargreeves, protagonistas da serie The Umbrella Academy (2019), inspirada nos quadrinhos de Gerard Way (My Chemical Romance) e Gabriel Bá, não é diferente. Formada por sete irmãos adotivos que nasceram exatamente no mesmo dia e hora em um evento misterioso que envolveu 49 mulheres que deram a luz ao mesmo tempo sem ao menos estarem grávidas.


A família de The Umbrella Academy tem todos os problemas que uma família comum tem, exceto pelo fato de que as famílias comuns não andam por aí tentando deter o apocalipse, Luther (Tom Hopper), Diego (David Castaneda), Alisson (Emily Raver-Lampman), Klaus (Robert Sheehan), Ben (Ethan Hwang), Five (Adam Gallagher) e Vanya (Ellen Page) têm praticamente os mesmos problemas que qualquer irmão tem por aí. Sejam divergências ou tentativa de superproteção, os irmãos superpoderosos poderiam fazer parte da minha ou d…